Prática Ortomolecular

Ortomolecular é uma ciência médica extremamente complexa, que tem a finalidade de desoxidar as células e colocar as moléculas em equilíbrio, retardando o envelhecimento com saúde. Hipócrates, o “Pai da Medicina”, já dizia há milhares de anos que o nosso corpo necessita viver em perfeito equilíbrio com os quatro elementos que compõem a natureza : terra, água, fogo, ar e que o homem é uma parte integral do cosmos onde o organismo é um todo harmonioso, cujas partes se mantêm numa dependência mútua e solidária umas com as outras.O universo é todo-poderoso porque é harmonioso. Se os seres humanos sofrem de doenças, isso acontece porque eles negligenciam a manutenção do ritmo e da harmonia em si mesmos.

 Hoje é comprovado que sua teoria é verdadeira através de centenas de trabalhos científicos, e também pelo cientista Linus Pauling, demonstrando que podemos falar em saúde quando temos as moléculas do nosso organismo em constante equilíbrio. Porém, quando esse equilíbrio é alterado determinando uma desorganização molecular, adquirimos as doenças.

 A prática ortomolecular atua na prevenção e tratamento das doenças, utilizando todos os recursos e procedimentos disponíveis da medicina contemporânea. Introduz no meio intra e extra celular os elementos que por ventura estejam em quantidade insuficientes ou proporcionam a eliminação dos que estão em excesso, e que geralmente são causadores de desarmonia e funcionamento inadequado do organismo.

 O equilíbrio oxidativo é essencial para a manutenção da vida em condições satisfatórias, protegendo as células e mantendo suas funções biológicas adequadas para participarem dos processos metabólicos, que são indispensáveis às funções orgânicas, e da síntese de DNA.

 É imprecindível destacar que não é a administração de elevadas quantidades de antioxidantes que irão determinar o sucesso terapêutico, e sim a forma equilibrada e racional do uso dos mesmos, necessitando o médico de um amplo e profundo conhecimento da clínica geral e vasto conhecimento na ciência da medicina ortomolecular, aplicando os conceitos científicos que regem toda a medicina.



Bibliografia 

OLZEWER, Efrain. Tratado de Medicina Ortomolecular. São Paulo: Nova Lima EditorialLtda.1995.

LACERDA, Dr.P.de. Manual Prático de Medicina Ortomolecular – As bases da medicina dofuturo- São Paulo: Organização Andrei Editora Ltda., 1995

Rolar para o topo